Brasil República (1889 até os dias atuais)

Em 15 de novembro de 1889, foi proclamada a República no Brasil. Sob o comando do Marechal Deodoro da Fonseca. A primeira fase dessa nova etapa, conhecida como República Velha, foi marcada pela instituição do casamento civil, a criação da bandeira republicana com o lema “Ordem e Progresso”, a promulgação da Constituição de 1891, a República das Oligarquias, a Coluna Prestes e a Política do Café-com-Leite, dentre outros eventos.

Depois, veio a Era Vargas, quando Getúlio exerceu a liderança política no Brasil por quinze anos ininterruptos. Em 1937, o Congresso Nacional é fechado e instalado o Estado Novo, com plenos poderes conferidos a Vargas. Nessa época, conquistas importantes foram alcançadas, tais como a criação da Justiça do Trabalho, do salário mínimo, da CLT, da Companhia Siderúrgica Nacional, da Vale do Rio Doce, da Hidrelétrica do Vale do São Francisco e do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

A República de postura populista trouxe o fortalecimento da indústria brasileira, o aumento da população e um grande desenvolvimento urbano, favorecendo o crescimento da burguesia industrial, da classe média e do proletariado. O populismo foi um fenômeno politíco em termos de governo porque soube manipular os interesses da classe trabalhadora. O mais notável governante desse período foi Juscelino Kubitschek, famoso por ter feito seu lema de governo “50 anos em 5” e por ter construído e transferido a capital do Brasil do Rio de Janeiro para Brasília.

Com o Golpe de 1964, os militares assumiram o comando do Brasil. Teve início a Ditadura, período marcado pela repressão, censura, prisões, torturas, exílio, protestos e passeatas. O “Milagre Econômico” favoreceu o crescimento sem distribuição de renda e o aumento da dívida externa. Na Cultura, o cinema criticava a miséria e as músicas eram classificadas como de protesto e “alienadas”. A campanha pelas Diretas Já e a vitória de Tancredo Neves nas eleições presidenciais encerraram o Regime Militar. Com a morte de Tancredo, seu vice, José Sarney, assumiu a presidência, e tinha, como principal desafio, organizar a economia brasileira e diminuir a pobreza. A primeira tentativa foi feita com o Plano Cruzado, que trocou a moeda vigente e congelou preços. Na primeira eleição presidencial, por voto direto, o candidato a presidente vencedor foi Fernando Collor de Melo, que deixou o cargo antes do término, sob processo de impeachment. Assumiu o vice Itamar Franco, que, no final de seu mandato, conseguiu implantar o Plano Real com sucesso sob a orientação de Fernando Henrique Cardoso, que acabou eleito Presidente por dois mandatos consecutivos. O Presidente seguinte foi Luiz Inácio Lula da Silva, que também governou por dois mandatos e priorizou os programas sociais. Em 2011, assumiu Dilma Rousseff, a primeira mulher presidente do Brasil.

Réplicas e Maquetes
Ferrovia Madeira-Mamoré
Réplicas e Maquetes
Seringueiros e Coronéis
Réplicas e Maquetes
JK, a Revolução do Túnel
Maquetes e Réplicas
Imigrantes e Barões do Café
Maquetes e Réplicas
Réplicas da Imigração